INSCRIÇÕES

Professor Albert Fishlow, da Universidade de Columbia, é um dos destaques do evento, que inclui outros pesquisadores renomados do exterior

 

Foto: Divulgação/EPRG

 

Mesa-redonda, palestras, minicursos, apresentações orais e de pôsteres integram a programação do Fourth Annual Meeting of the Economics and Politics Research Group. O evento internacional ocorre na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (Face) da Universidade de Brasília, entre 6 e 10 de junho, e conta com convidados da casa e de instituições estrangeiras das áreas de Economia, Ciências Políticas, Sociologia e Direito. As inscrições estão abertas até sexta-feira (3) e as atividades possuem vagas limitadas.

 

<< Confira a programação

 

Os impactos do atual cenário econômico brasileiro são um dos focos das discussões que permearão os quatro dias de encontro, organizado pelo grupo de pesquisa interdisciplinar da UnB Economics and Politics Research Group (EPRG). Segundo Maurício Bugarin, professor da Face e um dos coordenadores do evento, além da convergência entre áreas diversas do conhecimento, a intenção é promover o encontro entre estudantes e pesquisadores tanto da UnB como de universidades, dentro e fora do país, que participam do grupo para trocar experiências.

 

Além do contato com pesquisadores renomados, Bugarin destaca que os estudantes poderão ainda se habituar a atividades ministradas na língua inglesa, o que se dará em praticamente todo o evento. “Queremos ajudar a fomentar a cultura de que o inglês é a língua acadêmica internacional e que os estudantes têm que começar a se acostumar com ela desde cedo”, explica o coordenador do evento.

 

Entre os palestrantes, Albert Fishlow, um dos maiores especialistas estrangeiros em economia brasileira e professor da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, é uma das presenças confirmadas. Durante sua passagem pelo Brasil na década de 1960, por convênio firmado entre governo brasileiro e Universidade da Califórnia, onde era docente, o economista foi um dos responsáveis pela criação do Escritório de Pesquisa Econômica e Aplicada (Epea), que mais tarde se transformou em um instituto, o Ipea.

 

Desde então, passou a manter vínculo forte com o país, que se tornou fonte de suas diversas pesquisas. No Brasil, ele também foi condecorado com a Ordem Nacional do Cruzeiro do Sul, em 1991. Na atividade que ministrará na sexta-feira (10), analisará os rumos da política econômica brasileira após cinco anos da publicação de seu livro O Novo Brasil. “O professor faz parte da história do desenvolvimento da pesquisa no Brasil. Ele é um dos mais famosos brasilianistas no mundo, com 50 anos de estudos sobre o país”, ressalta o coordenado do evento, Maurício Bugarin.

 

WORKSHOP - Nesta edição, uma das novidades é a realização do First Internacional Workshop in Economics & Politics, com dois minicursos ministrados por palestrantes internacionais. David Lewis, professor em Ciências Políticas da Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos, estará à frente de atividade sobre a política do Executivo norte-americano e analisará a relação entre governo e burocracia. A Teoria dos Jogos e Sinais será tema do curso sob coordenação do cientista político e editor do Journal of Applied Economics, Jorge Streb.